POSSIBILIDADE DE NOVA GREVE DOS CAMINHONEIROS

O Conselho Nacional de Transportes Rodoviários de Cargas (CNTRC) enviou um ofício ao governo federal confirmando a greve para segunda-feira (01/02). A nova greve é motivada pelas reivindicações dos caminhoneiros por melhores condições no setor de transportes. Dentre as principais condições, se destacam uma aposentadoria especial para o setor, piso mínimo do frete e melhor fiscalização da Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT). Segundo os sindicatos e entidades organizadoras do movimento, caso as reivindicações não sejam atendidas, a greve está mantida para a data confirmada. Além disso, o CNTRC garante que, atualmente, possui 40 mil filiados em 22 estados brasileiros.

ebook coronavirus na logistica

Desde a greve dos caminhoneiros de 2018, também chamada de Crise do Diesel, os impactos desse tipo de paralisação deixam a população e o Estado com uma preocupação iminente. Portanto, com uma confirmação assim, há um clima de desconfiança e apreensão geral. A greve de 2018 representa uma das maiores paralisações da história do país e gerou impactos impressionantes. Quase 10 dias de greve dos caminhoneiros autônomos afetou a cadeia de abastecimento de todos os insumos, desde combustível até comida. 

A greve confirmada para o dia 01 de fevereiro é provocada pelo descontentamento dos caminhoneiros autônomos com as condições do setor. Há um tempo, os profissionais de transporte reivindicam um piso mínimo de frete e buscam por uma estabilização do valor do combustível que, segundo os mesmos, deveria se manter ao menos por 6 meses. Nesta semana, a Petrobras anunciou mais um reajuste de 5% no preço da gasolina. O combustível já acumula alta de 13,4% neste ano. E, o diesel também deve aumentar 4,4%. 

Na última quarta-feira (27/01), o presidente Jair Bolsonaro fez um apelo aos caminhoneiros autônomos para que desistissem da paralisação. Entretanto, mesmo com a súplica do presidente, o anúncio da greve está mantido para segunda-feira (01/02).
conheca-a-everlog

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Dicas sobre Gestão de Fretes & TMS Embarcador


Cadastre seu e-mail e receba nossas novidades:

x

Fale Conosco

x

Ligamos para Você