GESTÃO DE RISCO PARA EMBARCADORES

Sempre vale ressaltar que o setor logístico de uma empresa é extremamente complexo, pois envolve diversas atividades com alta demanda e importância. Por isso, a operação que envolve armazenamento e movimentação de produtos precisa ser organizada, inteligente e assertiva. A gestão logística precisa acompanhar todas as atividades para garantir que o planejamento seja cumprido e para assegurar que a melhor performance seja alcançada. Por se tratar de uma operação tão exigente e movimentada, a logística está exposta a riscos que influenciam negativamente o resultado das atividades de transporte. Portanto, para que a operação não seja prejudicada, é essencial que haja também uma gestão de risco para embarcadores.

ebook coronavirus na logistica

Gestão de risco para embarcadores

A gestão de riscos para embarcadores é um conjunto de estratégias preventivas e reativas, que antecedem a operação de transporte para aumentar sua eficiência, qualidade e sucesso. É por meio dessa gestão que se torna possível controlar e identificar os riscos, minimizando a exposição a esses eventos. Os riscos inerentes à logística são relativos aos prejuízos à carga, atrasos na entrega, acidentes com os colaboradores, extravios, redundâncias, negligências ou falhas que causam demora, aumentando os custos da operação. Há também a possibilidade de erros arriscados na própria operação de transporte, como a ocorrência de multas, apreensões, roubos, assaltos, colisões, acidentes, atrasos, entre outros.

O planejamento é o primeiro passo na gestão de risco para embarcadores, para identificar quais são as possibilidades que podem ameaçar a operação. Assim, ao realizar essa análise sobre possíveis erros, os embarcadores estarão mais preparados para contornar crises de risco. E, após o levantamento de prováveis ameaças, outra questão pertinente para a gestão de risco é mapear os principais impactos deles na operação. Desta forma, ao se preparar para adversidades, encarar as consequências, caso os erros se concretizem, será mais fácil.

Entender quais são os perigos que podem atrapalhar a operação é a base da gestão de risco para embarcadores, mas elaborar estratégias para resolver tais ameaças é importante da mesma forma. Investir nos esforços e recursos certos para cada situação faz a diferença nos resultados. Logo, fica claro que, com a ferramenta certa, a gestão de risco é mais acessível para os embarcadores. Tecnologia é uma grande aliada, uma vez que sistemas de gestão inteligentes reúnem informações e automatizam tarefas da logística. Então, com planejamento e processos inteligentes, a gestão de risco é mais assertiva, minimizando erros perigosos na operação.
conheca-a-everlog

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Dicas sobre Gestão de Fretes & TMS Embarcador


Cadastre seu e-mail e receba nossas novidades:

x

Fale Conosco

x

Ligamos para Você